quarta-feira, fevereiro 17, 2010

Cartografia, satélites e catástrofes naturais

.
A situação de desespero e de luta pela sobrevivência provocada pelo terrível terramoto que no passado mês de Janeiro devastou o Haiti, tem sido um sério desafio para as organizações de ajuda humanitária que tentam prestar apoio às populações que sobreviveram a esta tragédia.
A Geografia e a Cartografia desempenham um importante papel na análise e percepção das dimensões desta catástrofe, para que possam ser tomadas decisões que permitam uma maior eficácia na resolução dos problemas apresentados.
Vejam este vídeo da Euronews sobre a Agência Espacial Europeia (ESA) e sobre os mapas que ajudaram a produzir para auxiliar a ajuda humanitária no terreno.
.

.
Os mapas produzidos podem ser consultados no website da SERTIT - Service de Cartographie Rapide.
Para uma visão bastante realista das dimensões desta catástrofe na capital haitiana, Port-au-Prince, vejam este vídeo 360º (enquanto o vídeo decorre, podemos mudar a perspectiva tal como no "vista de rua/street view" do Google Earth). Este vídeo utiliza uma tecnologia desenvolvida pela IMTS aqui utilizada pela Immersive Media.
.
.

1 comentário:

Anónimo disse...

isto so mostra como a geografia é importante nas situações criticas como esta